Praias de Itapoá

Com 100% de balneabilidade, os 27km de praias de Itapoá oferecem desde uma praia deserta – a Barra do Saí – passando pela badalada Itapema do Norte, com suas famosas três pedras, que proporcionam de um calmo banho de mar até a prática do surf, próximo da 3ª pedra. Da praia de Itapoá, no centro, avista-se a pedra que deu origem ao nome do município. Mais ao sul, na praia do Pontal – ou Pontal do Norte – encontramos o Farol que sinaliza a entrada da Baía Babitonga para os navegantes. Já dentro da baía, temos a Figueira do Pontal com seu trapiche de embarque e desembarque.

Município litorâneo de 256,1 km², na divisa com o Paraná, Itapoá é muito procurado por veranistas por seus 27 km de praias e outros atrativos naturais, como matas, reservas ecológicas e cachoeiras. O nome “itapoá” tem origem indígena e quer dizer “pedra que surge”, em referência a uma rocha sibmersa no mar que aparece durante a maré baixa. As principais atividades econômicas são agricultura, pesca e turismo. Itapoá era distrito de Garuva até 1989, quando ocorreu sua emancipação política.

Tranquilo durante quase todo o ano, tem cerca de 10 mil habitantes fixos e transforma-se em um movimentado destino de veraneio, com população flutuante de até 100 mil pessoas. Suas praias se distribuem em cinco balneários: Barra do Saí, Itapema do Norte, Itapoá (centro), Pontal do Norte e Figueira do Pontal. Seu território é cortado pelos Rios Saí-Mirim e Saí-Guaçu, que oferecem belas paisagens.

Como chegar a Itapoá

Itapoá está a 256 km de Florianópolis e 135 km de Curitiba. Para quem vai por Santa Catarina pela rodovia BR-101, o acesso asfaltado se dá na altura de Garuva. A estrada cruza a divisa com o Paraná e, no primeiro posto da Polícia Rodoviária Estadual, há uma rodovia à direita que retorna ao território catarinense e leva à sede do município. Há em torno de 20 meios de hospedagem, entre hotéis, pousadas e residenciais, com aproximadamente 600 leitos.

Esta é uma praia de Itapoá. Veja todas as .